Presidente do Cazaquistão autoriza polícia a atirar em manifestantes