EUA descartaram ao menos 15 milhões de doses de vacinas desde março