‘É importante ouvi-lo’, diz presidente da CPI sobre Queiroga